Transparência | Rigor | Isenção | Verdades Bíblicas
  

De acordo com um Rabino que estudou uma profecia do Talmud, coletânea de livros sagrados dos judeus, a invasão russa na Ucrânia (guerra Rússia – Ucrânia) aponta para a chegada do Messias ainda este ano.

Um Rabino (Richter) diz que a guerra entre a Rússia*Ucrânia aponta a chegada de Messias ainda para este ano. Após o estudo feito do Talmud – coletânea de livros sagrados dos judeus, o mesmo dá a segurança da Vinda do Mestre, o Rei dos reis.

O Sinal que prova a Vinda

Através de uma transmissão de emergência intitulada “Rússsia, Ucrânia, Armageddon, trazendo a redenção”, o rabino Yehuda Richter, de Kfar Tappuach, expôs a sua visão numa palestra. Segundo o site de notícias, a Gospel Prime. A fonte ainda diz que “no Talmud, uma profecia pouco conhecida toca em como as guerras do “sétimo ano” são um sinal de o Fim dos tempos e um pronuncio da chegada do Messias”

De certo, pelo que se sabe, os judeus desconsideraram a presença de Jesus Cristo (quando esteve na terra) como o Messias esperado. No entanto, acreditam que o Messias há de vir e estabelecer o seu reino na terra. Para o povo cristão, tudo aponta que o anticristo, uma figura satânica, será quem vai tentar se passar pelo Messias esperado pelos judeus.



O número sete

Ao citar as fontes do Talmud, o rabino disse que o tratado “existem bênçãos organizadas pelos sábios, e que cada bênção tinha um propósito e uma razão, mas que a sétima lembra que os judeus devem pedir para Deus olhar para os problemas e redimi-los”.

Neste sentido, o rabino explica que “a Nação de Israel experimentará a redenção no sétimo ano, o ano sabático em que estamos agora”.

Além disso, ele afirmou que “a guerra da Ucrânia está acontecendo nos meses associados à redenção”.

Assim, a guerra acontece nos meses judeus de Adar (fevereiro – março), em que o povo judeu celebra sua redenção da destruição durante o feriado de Purim e Nissan (março – abril), onde o povo judeu celebra sua redenção do Egito no feriado da Páscoa.


A garantia da tal profecia

O rabino então explica que quando as guerras terminam no sétimo ano, o Messias, descendente de Davi, chega no oitavo ano (Setembro de 2022 a Setembro de 2023). “No sétimo ano, há guerras, e isso representa o início da redenção, e então vem o Messias”, disse.

“Na véspera do sétimo ano, a maioria dos comentários diz que há, claro, dois Messias. Há o Messias, o filho de José que luta as batalhas – que é o lado físico da redenção do povo judeu e isso acontece durante o sétimo ano – guerras, etc. E depois do sétimo ano termina o oitavo ano, esse é o Messias de Davi”, acrescento rabino.

De acordo com o Israel 365 News, o rabino avaliou que a guerra entre Rússia e Ucrânia afeta o mundo inteiro, já que todas as super-potências mundiais tomaram partido, como a China ao lado de Moscovo e a OTAN ao lado da Ucrânia.

1
0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Inscreva-se para receber as novidades!

Visitantes Online

Nº de utilizador(es):
0 online